Saturday, August 1, 2009

Stop, listen and look / Pare, escute e olhe


Hot days, long and bright, generously flooding with their light the fields, roads, mountains... I like all the year's seasons, but during the cold months this is an image that can't avoid without some nostalgia, counting in the calendar how many days remain for the landscapes to be smiling again...
But what does this have to do with the title of this work?
Nothing. That is the inscription featured in the signs like the one we see in the center, which are still in almost all places where a road meets a railway: "Beware of trains; Stop, listen and look; Traffic along the track is forbidden".
If you keep in mind what is recommended there, it's more than sure you will enjoy the light of summer evenings for much longer.
Dias quentes, longos e luminosos, inundando generosamente de luz os campos, caminhos, montes... Gosto de todas as estações do ano, mas durante os meses frios esta é uma imagem que não consigo evitar sem sentir certa nostalgia, contando no calendário os dias que faltam para as paisagens voltarem a sorrir.
Mas o que tem isso a ver com o título deste trabalho?
Nada. Essa é a conhecida inscrição das características tabuletas como a que se vê ao centro, as quais se encontram ainda hoje em quase todos os lugares onde um caminho encontra uma linha férrea: "Atenção aos comboios; Pare, escute e olhe; Proibido o trânsito pela linha".
Se cumprirmos exactamente o que lá se recomenda, é mais que certo que poderemos gozar por muito mais tempo das tardes luminosas de Verão.
Fabriano rough 7"x5" - 140lb (18x12,5cm - 300g/m2) paper
On my Etsy shop: Click here / Na minha loja Etsy: Clique aqui

4 comments:

loriann said...

You are so right Paulo. These summer days are precious and need to be savored. A little piece of sadness creeps in when the calendar turns to August; while the months of May and June are just pure, wonderful anticipation.
We'll just enjoy what we have now.

Your painting is a small gem with a beautiful feel of distance and warmth.

Paulo J. Mendes said...

Thank you, Loriann: I absolutely share your feeling when calendar turns to August... Days are getting shorter, we have to enjoy their beauty, as well as be prepared for the serene splendors of the cold months that are about to come. Time runs, the feast will restart quicker than we imagine :)

Villager said...

Comecando de um nivel ja' muito alto, parece-me ver a qualidade da luz nestas pinturas a subir sistematicamente. O campo de milho e' um tema dificil mas muito bem executado. O azulado nos planos mais recuados completa a ilusao de distancia. Excelente.
Boa semana.

Paulo J. Mendes said...

Tem sido um enorme gozo trabalhar esses pequenos pormenores, amigo Villager. Correndo o risco de me repetir, direi que o contributo das sombras nos esboços tem sido inestimável para visualizar o resultado final.
Uma ajuda para os campos de milho, que abundam entre o Porto e Braga, tem sido a observação directa à sua passagem pela estrada.
Pequenos avanços num percurso que ainda tem muita extensão de "mato" desconhecido por desbravar :))