Monday, September 28, 2009

Near a river / À beira de um rio


I do not know how many times has been written here about the inexhaustible source of enchantment that are these corners near a river ... Bridges, houses, mills, water and its music are ingredients with which the nicest of places can be composed, and a lifetime can go without painting anything else. It will not be the case here, but this is certainly a topic to be revisited till satiation.
Não sei quantas vezes já aqui se escreveu acerca da inesgotável fonte de encantamento que são os recantos à beira-rio... Pontes, casas, moinhos, a água e a sua música, são ingredientes com os quais se compõem os mais agradáveis dos lugares, podendo passar-se uma vida inteira sem pintar mais nada. Não será aqui o caso, mas este é sem dúvida um tema a ser revisitado até à saciedade.
Fabriano cold pressed 7"x 5" - 140lb (18x12,5cm - 300g/m2) paper
Sold / Vendido

8 comments:

Arménia Baptista said...

...As «suas casas», são todas bonitas... Mas esta, está tão «riquinha»...será porque tem um moinho?!
;D

Paulo J. Mendes said...

De certeza que o moinho dá um contributo inestimável para tal "riqueza"... É algo que os moinhos sabem fazer como mais nada :))

Terry Banderas said...

Beautiful painting. Great shadows.

Paulo J. Mendes said...

Thank you, Terry :))

Villager said...

Maravilhosa composição e execução técnica. Deixa-me aguado por um pouco de turismo rural.

Paulo J. Mendes said...

Compreendo bem esse sentimento, Villager: Apesar de estar aqui mesmo ao lado de lugares como este, não me tem sido possível visitá-los e a "comichão" é por vezes insuportável :))

Luís Bonito said...

Como sempre admiro a luminosidade das suas aguarelas, os contrastes claro-escuro, e a representação tão pitoresca da vida quotidiana desses lugares.
Abraço.

Paulo J. Mendes said...

Fico contente por levar-lhe um pouco das belezas que ainda vão resistindo aqui pela nossa terra.
Um abraço para a distante mas, tanto quanto me parece, também muito bonita e interessante Frísia :))