Friday, December 26, 2014

Moleskine


Esta alegre e colorida trapalhada assinala o momento em que comecei realmente a gostar deste caderno, que depressa tem vindo a ocupar o lugar entre os meus preferidos.
Entre outras coisas que poderia mencionar, gosto da vivacidade que as cores adquirem, tendo em conta que estas tendem a morrer um pouco noutros cadernos quando não são especificamente indicados para a aguarela.
Assim, e depois daquilo que tinha escrito há tempos, parece-me que daqui para a frente terei que rever as minhas prioridades cadernais...
This happy and colorful mess signs the moment when I started to enjoy this sketchbook, which has been taking place quickly between my favorites. 
Among other things I could mention, I like the liveliness of the colors, considering that they tend to fade a little in other sketchbooks not specifically indicated for watercolor. 
Therefore, and after what I wrote some time ago, looks like that from now I'll have to review my sketchbook priorities...

2 comments:

Filipe Almeida said...

Sem dúvida que para mim o papel de aguarela dos Moleskine é o melhor no universo dos cadernos que já experimentei, pelo menos na sua versão antiga. Muito recentemente mudaram o papel, numa edição que agora chamam de Art Plus, da qual já ouvi criticas positivas e negativas.
Já adquiri um para experimentar mas ainda não surgiu a oportunidade, mas duvido que possa ser muito diferente.

Paulo J. Mendes said...

Estou a converter-me aos poucos, após um arranque decepcionante que descobri ser fruto das aguarelas que estava a usar. Embora não tenha a certeza, creio que este meu caderno será ainda a versão antiga. Como doravante serei um utilizador mais frequente, de certeza que mais tarde ou mais cedo acabarei por "tropeçar" na edição Art Plus.
Também começo a apreciar o formato panorâmico, de que inicialmente não gostava, bem como a forma como as páginas abrem por completo. Para quem desenha no exterior deve ser extremamente prático, e hei-de ter um reservado para essas raras ocasiões :))