Friday, January 2, 2009

Paradela do Rio


I like very much to look at maps, and after observing one of Northern Portugal, I came to the conclusion that "Paradela" is one of the names that appear most frequently, sometimes with something else added, with many so-called villages spreaded along the territory. As I do not know the exact meaning of Paradela, I just can assume that this is a diminutive of "Parada", a place where one stops, but in the middle of so much abundance, why should't I invent one of my own? In the bottom of a green valley, then we have Paradela do Rio – Paradela of the River!
Gosto bastante de olhar para mapas, e após observar um do norte de Portugal, cheguei à conclsão de que “Paradela” é um dos nomes mais frequentes que aparecem, por vezes acrescido de algo mais, havendo bastantes povoações assim chamadas um pouco por todo o território. Não sei exactamente o significado de Paradela, podendo presumir que se trata de um diminutivo de “Parada”, um lugar onde se pára, mas no meio de tanta abundância, porque não havia eu de inventar a minha própria? No fundo de um verdejante vale, temos então Paradela do Rio!
Fabriano cold-pressed 7"x5" - 140lb (18x12,5cm - 300g/m2) paper
Available: Click here / Disponível: Clique aqui

13 comments:

Villager said...

Paradela do Rio fez-me crescer água portuguesa na boca. Poderíam-se cortar vários rectangulos nesta cena e cada um deles formaria outra bela composição. Lembra-me trabalhos por um Inglês, Stanley R. Badmin (ver: “S.R. Badmin and the English Lansdcape” por Chris Beetles) onde aparecem algumas cenas pastorais imaginadas.
Bom Fim de Semana – outro ano de trabalho está prestes a começar!

Paulo J. Mendes said...

Fiquei com curiosidade acerca de Stanley Badmin, e vou ver o que encontro acerca dele.
Está a começar um ano que espero e desejo de muitas e boas aguarelas, e não me refiro apenas às daqui da "casa".
Bom fim-de-semana, também! Tenciono aproveitar parte do meu para ir procurar algumas "Paradelas do Rio".

Maria Lua said...

Paulo,

Paradela é uma ave, como sou sócia da SPEA vou pedir que me enviem informações e uma fotografia sobre esta ave, e assim ficarás a conhecer a origem do nome (tentei fazer pesquisa no goocle mas não encontrei nada sobre a ave). Depois deixo comentário.
Bonita paisagem!
:-)

Paulo J. Mendes said...

Embora não tivesse qualquer certeza a respeito deste nome, estava bem longe de imaginar que teria origem numa ave!
Fiquei bastante curioso acerca dela, nomeadamente o tipo e aspecto.
Aguardo as tuas notícias.
Bjs.

jo ra tone said...

Paulo J. Mendes,
Parabéns pela verdadeira obra de arte que se apresenta.
Gosto, aprecio, admiro os trabalhos de grandes génios
Bom Ano

Paulo J. Mendes said...

Obrigado, amigo Jo Ra Tone, pelas suas amáveis palavras.
Sinto que tenho limitações e ainda me falta aprender muito, mas isso é algo que vai levar a vida inteira, e faz parte do prazer deste trabalho.
Votos de um excelente 2009!!

Maria Lua said...

Paulo,

fiz confusão, não é paradela, a ave chama-se Pardela...
Por isso, Paradela não sei o que seja...
Sorry...
Boa semana.
:-)

Paulo J. Mendes said...

Não faz mal.
Ainda a propósito e por curiosidade, aqui na zona de Braga os pardais são por vezes popularmente chamados "pardelhos" pelas pessoas mais antigas, e uma pessoa tagarela é por brincadeira designada de "pardelha"...
Uma boa semana!!

Maria Lua said...

Pois, porque as pardelas "falam muito", são do tipo gaivota.
Tens mais informações em: http://avesdeportugal.com.sapo.pt/Pardelas,%20corvos%20marinhos%20e%20gansos%20patola.htm
:-)

Loriann Signori said...

Thank you for visiting my blog. I am happy that you did for now I have found your blog of beautiful small watercolors!
You have created a grand space in this painting, beautiful!
Sorry, I can only write in English.

Paulo J. Mendes said...

I am very happy, Loriann, for having found your blog as I like very much your style and the beauty of your subjects. I could never imagine that watercolor and pastel could work so well together!
I wish you a wonderful 2009 full of successful works, many of them I am looking forward to see as a new and regular visitor.

Anonymous said...

minha gente,

O nome Paradela tem origem na palavra parada, zona de paragem. Local onde as invasões Françesas fizeram paragem. Pois passaram por cá.

Paulo J. Mendes said...

Pois fica aqui o esclarecimento. De facto, faz sentido. Obrigado pela informação.