Tuesday, August 31, 2010

Exposição em Marvão / Exhibition at Marvão


Durante o mês de Setembro e Outubro (actualização), alguns dos meus trabalhos estarão expostos na Casa da Cultura de Marvão, no distrito de Portalegre.
São cerca de 25 trabalhos, entre alguns já aqui publicados e outros pintados expressamente para o efeito.
Aqui fica o convite, quanto mais não seja como pretexto para uma visita àquela magnífica vila histórica Alentejana, empoleirada no alto de um monte entre sólidas muralhas, e muito justamente candidata a Património Mundial da Unesco.
Aproveito para agradecer à Casa da Cultura o amável convite, e toda a simpatia com que fui recebido.
O trabalho acima é um dos expostos. Aqui ficam também algumas fotos que tirei após a montagem...

During September and October (update), some of my works will be exhibited in the Casa da Cultura (House of Culture) of Marvão.
There are about 25 works, some already posted here and other painted for the event.
So here's the invitation, even if only an excuse for a visit to that wonderful historic village of Alentejo, perched high on a hill between solid walls, and candidate for UNESCO World Heritage Site.
I would like to take this opportunity to thank the Casa da Cultura for the kind invitation, and all the kindness with which I was received.
The work above is one of the exposed. Here are also some pictures I took after assembly...





Monday, August 30, 2010

Sunday, August 29, 2010

Checking the mailbox / A ver se há correio


An old couple comes back home and, as usual, mail shall be checked, in search of any news of a distant relative, perhaps working abroad, or one of their sons studying in another part of the country, or something else ... There are so many possibilities that a few good lines could be filled here, although what really matters is if the news are good: To tell the truth, in these days, it's already a good news to find a postcard or a letter in the mailbox, a real letter, written by someone's hand, rather than the more probable bill or even the annoying advertisings, the paper equivalent of spam, which are also starting to reach these distant places.
Um casal de velhotes regressa a casa e, como habitualmente, há que verificar o correio, não tenha chegado alguma notícia de um parente distante, quem sabe a trabalhar no estrangeiro, ou então de um dos filhos a estudar noutra parte do País, ou então... Tantas são as hipóteses, que podia aqui encher umas boas linhas, quando o que realmente interessa é que as notícias sejam boas: Para dizer a verdade, nos dias que correm, já é uma boa notícia encontrar na caixa de correio um postal ou uma carta mesmo “carta”, escrita pelo punho de alguém, em vez da mais provável conta para pagar ou ainda a maçadora publicidade, o equivalente em papel do “spam”, que também já vai chegando a estes lugares mais distantes.
Fabriano Artistico rough 7"x 5" - 140lb (18x12,5cm - 300g/m2) paper
Available: Click here / Disponível: Clique aqui

Saturday, August 28, 2010

Today's sketch / O esboço do dia - 275


Had to write something here... Just did it. Happy Saturday!
Tinha que escrever alguma coisa... Acabei de o fazer. Bom Sábado!

Friday, August 27, 2010

Today's sketch / O esboço do dia - 274


Poor old chap... If his mailbox happens to be like mine, he'll get nothing but bills.
Pobre velhote... Se a caixa do correio dele for como a minha, só vai ter lá contas.

Thursday, August 26, 2010

A little town / Um vilarejo


This work is definitely one of my favorites. It was perhaps the one that took me more hours to do this year, although this is not a guarantee of a good result, quite the opposite: Many of my greatest "joys" were born from works done at a glance. To tell the truth, I hesitated and feared to venture myself from the first sketch: The scale of my drawings does not follow the "growth" of the paper size, a bit larger than usual here, and the more it grows, the more "stuff" I tend to put in there, so I feared that in this case the abundance of elements would result in something like what I see on my washing machine's window when it is working. But with the right light, a little different from what was originally planned, everything went very smooth. And more than the scene itself, a sufficiently descriptive view of a village in the lush Northern Portugal, it is that Summer light I want to celebrate, because it's what I like the most in this season, remaining in my memory as a kind of "mental fireplace" that warms and comforts in the colder months.
Este trabalho é definitivamente dos meus preferidos. Talvez seja aquele que durante este ano mais horas me levou a fazer, embora isso não seja uma garantia de um bom resultado final, bem pelo contrário: Muitas das minhas maiores “alegrias” nasceram de trabalhos feitos num ápice. Para dizer a verdade, hesitei e receei aventurar-me diante do esboço inicial: A escala dos meus desenhos não acompanha o “crescimento” do tamanho do papel, aqui um pouco maior que o habitual, e quanto mais este cresce mais “tralha” tenho tendência para colocar lá dentro, pelo que receava que neste caso a abundância de elementos resultasse em algo parecido com o que consigo ver no óculo da minha máquina de lavar roupa quando esta está a trabalhar. Mas com a luz certa, um pouco diferente daquela que tinha inicialmente previsto, tudo correu muito benzinho, sim senhor. E mais do que a cena em si, uma vista descritiva quanto baste de um vilarejo do verdejante Norte de Portugal, é essa luz de Verão que gostaria de celebrar, pois ela é aquilo que mais gosto nesta estação do ano, ficando na minha memória como uma espécie de “lareira mental” que aquece e dá alento nos meses mais frios.
Lanaquarelle cold pressed 8"x 8" - 140lb (18x12,5cm - 300g/m2) paper
Sold / Vendido

Monday, August 23, 2010

Today's sketch / O esboço do dia - 271


I guess this will take all week...
Desconfio que vou andar com isto a semana toda...

Sunday, August 22, 2010

The Castle Street corner / A esquina da Rua do Castelo


One more scene of "some street in any town", here near to the one that, slightly rising, leads to the castle, the main and oldest local monument from which we see only a piece of ruined wall, part of what little was left by the inclemency of the centuries. The inevitable tavern appears on the ground floor of the house at the corner, and the crowd it attracts in a heated afternoon seems to make us believe that for a few this is actually the main monument...
Mais uma cena duma “qualquer rua de qualquer vila”, aqui junto àquela que, numa ligeira subida, conduz ao castelo, o principal e mais antigo monumento da localidade, e do qual vemos apenas um trecho de muralha arruinada, parte do pouco que foi deixado pela inclemência dos séculos. A inevitável taberna surge no piso térreo da casa que faz esquina e, pela afluência que a ela acorre numa acalorada tarde, tudo leva a crer que para uns quantos esta é de facto o principal monumento...
Fabriano Artistico rough 7"x 5" - 140lb (18x12,5cm - 300g/m2) paper
Available: Click here / Disponível: Clique aqui

Saturday, August 21, 2010

Today's sketch / O esboço do dia - 270


The pencil didn't move so far from home this time...
Desta vez, o lápis não se afastou muito de casa...

Friday, August 20, 2010

Today's sketch / O esboço do dia - 269


These characters of mine, always stuck in taverns!...
Diabo de personagens, sempre enfiados nas tascas!...

Thursday, August 19, 2010

Evening in a village / Entardecer numa aldeia


Two generations coexist, each on in his way, a scene of tranquility in some village, during the magical hour when the light begins to decline. One of the most beautiful moments of the day, especially this time of year when daylight stretches until later.
By placing the older characters highlighted in relation to the children enjoying their football game, I involuntarily inculcated some symbolism in this scene, not unrelated with that word, "decline", because more and more the villages have more older people and fewer children ...
Duas gerações convivem, cada qual à sua maneira numa cena de tranquilidade numa qualquer aldeia, durante a mágica hora em que a luz começa a declinar. Um dos mais belos instantes do dia, sobretudo nesta época do ano quando essa luz se estica até mais tarde.
Ao colocar os personagens mais idosos em destaque em relação às crianças que se divertem jogando à bola, acabei involuntariamente por inculcar alguma simbologia nesta cena, à qual não é alheia essa palavra, “declínio”, pois cada vez mais as aldeias têm mais idosos e menos crianças...
Fabriano Artistico rough 7"x 5" - 140lb (18x12,5cm - 300g/m2) paper
Sold / Vendido

Wednesday, August 18, 2010

Tuesday, August 17, 2010

Today's sketch / O esboço do dia - 267


Late afternoon at 1.05pm, posting time...
Entardecer às 13.05, hora do post...

Monday, August 16, 2010

The railway that almost existed / A linha que quase existiu


This work is imaginary as usual, but was based on real facts about something that... did not exist. Confusing?
Let us clear: I intended to give a vague idea of how a railway whose construction has begun but never completed in last century 30's would look: Part of a much broader railway plan, the Vale do Lima line would connect Viana do Castelo with Ponte de Lima; It would be an electrified line, ahead of its time, a sort of "light rail" of that era...
Although apparently a single rail was never laid in the built infrastructure, the rolling stock for this line actually existed, built by the German firm Wumag Maschinenbau, and was delivered although never used, being ultimately sold to Spain where it circulated until the end of the 80's in the Valencia suburban network, being locally known as "Los Portugueses”.
For this painting, and unlike the usual, I had to look for some photo resources for the train itself to seem minimally plausible. Apart from this, all the remaining scene is imagined with all the risks involved, so I hope that the end result may never be taken too seriously ...
The observant traveler who travels the road between Ponte de Lima and Viana, by the north bank of the river - a journey otherwise recommended by its beauty – may still find parts of the trackbed and some other works, the last remainings of the "railway that almost existed". But even if it really existed, and due to the disastrous transport policies pursued by successive governments over the past decades, I've been wondering if it would be just that we would find anyway...
Este trabalho é, como sempre, imaginário, mas foi baseado em factos reais sobre algo que... não existiu. Confuso?
Esclareçamos: Pretendi dar uma vaga ideia de como poderia ter sido o aspecto de certa linha ferroviária cuja construção foi iniciada mas nunca se completou, nos anos 30 do século passado: A linha do Vale do Lima que, no âmbito de um plano bem mais vasto, ligaria Viana do Castelo com Ponte de Lima; Uma linha electrificada, avançada para o seu tempo, espécie de “metro de superfície” da época...
Apesar de aparentemente nunca ter sido assente um único carril na infraestrutura que se construiu, os comboios destinados a esta linha chegaram mesmo a existir, fabricados pela firma Alemã Wumag Maschinenbau, e foram entregues para nunca serem usados, acabando vendidos a Espanha onde circularam até ao final dos anos 80 nas linhas suburbanas de Valencia, cidade na qual eram conhecidos como “Los Portugueses”.
Assim, neste trabalho e ao contrário do que é costume, tive que deitar mão a alguns recursos fotográficos para que o comboio propriamente dito parecesse minimamente plausível. À parte esse expediente, toda a restante cena é imaginada com todos os riscos que daí decorrem pelo que, assim espero, o resultado final nunca deverá ser levado demasiado a sério...
O viajante atento que percorrer a estrada entre Viana e Ponte de Lima pela margem norte do rio - um percurso que de resto se recomenda pela sua beleza - encontrará ainda hoje partes do leito da via e algumas obras de arte, derradeiros vestígios da “linha que quase existiu”. Mas se tivesse mesmo existido, e dada a desastrosa política de transportes levada a cabo por sucessivos governos ao longo das últimas décadas, já me tenho perguntado se não seria apenas isso que de qualquer modo encontraríamos...
Fabriano Artistico cold pressed 7"x 5" - 140lb (18x12,5cm - 300g/m2) paper

Uma actualização / An update
Recebi recentemente um mail de Leonardo B., um membro da Fundació Ferrocaib de Maiorca, onde presentemente se recuperam dois destes veículos, sendo que um deles se apresentará com as cores de fábrica originais, conforme foram entregues no seu tempo em Viana do Castelo.
Teve a amabilidade de me elucidar quanto a alguns aspectos da minha aguarela que não estão em conformidade com o aspecto original destes veículos, que passo a descrever:
- A frente era simétrica, com a janela central mais larga, e não tinha a porta de intercomunicação conforme se vê na aguarela: Esta foi acrescentada posteriormente em Valência. Por esta razão, possuíam um único farol central, debaixo da janela mais larga, em vez dos dois laterais.
-Originalmente possuíam dois pantógrafos no tejadilho para a captação da energia eléctrica e não os dispositivos apresentados, designados como liras de contacto. Estas foram também um acréscimo Valenciano. Eu fui levado a pensar o oposto devido a um preconceito meu, já que achava que estas últimas tinham um aspecto mais “antigo”...
Agradeço ao amigo Leonardo as informações e rectificações, e aproveito para enviar os meus entusiásticos parabéns à Fundação Ferrocaib pelo seu precioso e excelente trabalho na recuperação destas e de outras peças do património ferroviário Ibérico.
I recently received an email from Leonardo B., a member of the Fundació Ferrocaib of Majorca, where two of these vehicles are presently being restored, one of which will be presented with the original factory livery, just like when delivered at that time in Viana do Castelo.
He kindly elucidated me about some aspects on my painting that are not in accordance with the original aspect of these vehicles, as I shall describe:
- The front was symmetrical, with a wider central window, and had no door intercom as shown in the watercolor: This one was added later in Valencia. For this reason, there was a single central headlight, under the central wider window, instead of the two each side.
- Originally there were two pantographs on the roof to capture the electricity and not those devices known as bow collectors. These were also a Valencian addition. I was led to think the opposite due to a prejudice of mine, as I thought that the latter had a more "ancient" look...
I have to thank Leonardo for the information and corrections, and to send my enthusiastic congratulations to Fundació Ferrocaib for the priceless and excellent work in recovering these and other vehicles of the Iberian railway heritage.

Saturday, August 14, 2010

Today's sketch / O esboço do dia - 265


Sometimes this is the better you can get, I thought... But now I like it.
Por vezes isto é o melhor que se consegue, pensava eu... Mas agora até gosto.

Friday, August 13, 2010

A storyless afternoon / Uma tarde sem história


I have to confess my difficulty in writing something about this work ... Just the brush was starting its task on the paper rectangle, and I was already burning my brains on this important issue. It was one of those sketches that I immediately felt like watercoloring it, spent a good time doing it, liked the final result - although, as always, total satisfaction is never achieved - and then, at the time to write something... Nothing, for the simple reason that it looks descriptive enough to me: Just a normal afternoon in a beautiful village street, where there is a beautiful house with a beautiful yard. Why asking for more if is this enough?
Confesso a minha dificuldade em escrever algo sobre este trabalho... Ainda o pincel se estreava sobre o rectângulo acabado de desenhar, e já eu dava voltas à cabeça sobre esta importante questão. Foi daqueles esboços que me apeteceu desde logo aguarelar, passei um bom bocado a fazê-lo, gosto do resultado final – embora, como sempre, a satisfação nunca seja completa - e na hora de escrever algo... Nada, pela simples razão de que me parece descritivo quanto baste. Apenas uma tarde normal numa bela rua de aldeia, onde existe uma bela casa com um belo quintal. Por que haveria de querer mais, se isto é suficiente?
Fabriano Artistico rough 7"x 5" - 140lb (18x12,5cm - 300g/m2) paper
Available: Click here / Disponível: Clique aqui

Thursday, August 12, 2010

Today's sketch / O esboço do dia - 264


An impossible image of my country these days: The mountains aren't on fire, and the railway still has tracks...
Uma imagem impossível do meu país por estes dias: Os montes não estão a arder, e a via férrea ainda tem carris...

Wednesday, August 11, 2010

Tuesday, August 10, 2010

Killing thirst / Matar a sede


The theme of the tavern or cafe, the meeting point of those who inhabit or work in its surroundings, has been recurrent around here. We can find it here, here or here, for example, but not only... So it was inevitable that it would be back, not only for being one of the most picturesque subjects within the themes I like to paint, but also because this may be one of the most desirable places in these sweltering days, for the shadow and the company offered, but especially because that's where the more effective "ammunition" for a difficult battle against thirst can be found: The fight is fierce and it is not unusual that, defeated an enemy that sooner or later will rise again, some of the most committed "fighters" leave the place staggering...
O tema da taberna ou café, ponto de encontro daqueles que nas suas imediações habitam e trabalham, tem sido recorrente por estes lados. Podemos encontrá-lo aqui, aqui ou aqui, por exemplo, mas não só... Era inevitável que a ele voltássemos, não só por ser dos motivos mais pitorescos dentro da temática que me apraz pintar, mas também porque será dos lugares mais apetecidos nestes dias sufocantes, por via da sombra e companhia proporcionados, mas sobretudo porque ali se encontram as mais eficazes “munições” para mais uma difícil batalha contra a sede: O combate é geralmente feroz e não é raro que, vencido um inimigo que mais tarde ou mais cedo de novo se levantará, alguns dos mais empenhados “combatentes” dali saiam a cambalear...
Fabriano Artistico cold pressed 7"x 5" - 140lb (18x12,5cm - 300g/m2) paper
Available: Click here / Disponível: Clique aqui

Monday, August 9, 2010

Today's sketch / O esboço do dia - 262


We know we're getting old when we still remember travelling in these buses...
Sabemos que estamos a ficar velhos quando ainda nos lembramos de viajar nestes autocarros...

Sunday, August 8, 2010

Today's sketch / O esboço do dia - 261


The temple where thirst is sacrificed...
O templo onde a sede é sacrificada...

Saturday, August 7, 2010

Two houses / Duas casas


I've been all week around this work... Not that it was especially complex, as I had others that were so much more, and much more quickly they were dispatched. It is me who have been slowing down these days, I can feel it: The same amount of time, will and effort is turned into less work. Everyone goes through periods like this, and is nothing to be concerned, especially since the "tyranny of numbers" would be knocking on the wrong door here if it thought it had something to say here. Let us therefore say that this slowing is due to the typical height of Summer lethargy, a drowsiness that maybe can be translated in the serenity of this nice street in a village somewhere... What is nonetheless an interesting contradiction, since this is the time of year when, by virtue of the return of the locals who work abroad, the villages are more animated.
Andei a semana toda às voltas com este trabalho... Não que fosse especialmente complexo, pois já aqui têm passado outros que o são bem mais, e que bem mais depressa se despacharam. Sou mesmo eu que tenho andado mais lento, tenho-o sentido: Por estes dias, o mesmo tempo, vontade e esforço traduz-se em menos trabalho realizado. Toda a gente passa por fases assim e não é nada de preocupante, tanto mais que a “tirania dos números” estaria a bater à porta errada se achasse que aqui tinha alguma coisa a dizer. Vamos, pois, atribuir esta desaceleração à típica modorra do pico do Verão, modorra essa que talvez se possa traduzir na pacatez desta bela rua numa aldeia que não sei onde fica... O que não deixa de ser uma interessante contradição, uma vez que esta é a altura do ano em que, por força do regresso dos filhos da terra que trabalham longe, as aldeias estão mais animadas.
Fabriano Artistico cold pressed 7"x 5" - 140lb (18x12,5cm - 300g/m2) paper
Available: Click here / Disponível: Clique aqui

Thursday, August 5, 2010

Wednesday, August 4, 2010

From porch to courtyard / Do alpendre para o pátio


More than the curious shape of this country house somewhere on the edge of any village, I was interested in painting the extraordinary and chaotic array of objects and paraphernalia scattered throughout the courtyard, from old boots and basins up to boards, firewood and stakes for the beans or tomatoes, through ladders, barrel staves and everything else imaginable among meandering chickens. An "organized mess", as the owner knows where to find the tiniest of his belongings, something that interests him much more than winning the "Home and Garden" prize, although the whole set would constitute a more interesting “installation” than those of many museums ...
Mais do que a curiosa configuração desta casa rústica algures no limiar de uma qualquer aldeia, interessou-me pintar a extraordinária e caótica panóplia de objectos e apetrechos espalhados por todo este pátio, desde botas e bacias velhas até tábuas, lenha e estacas para o feijão ou tomate, passando por escadotes, aduelas de pipas e tudo o mais que se possa imaginar entre galinhas deambulantes. Uma “desarrumação organizada”, pois o proprietário de tais domínios sabe onde pára o mais ínfimo dos seus pertences, e isso interessa-lhe mais do que ganhar o prémio “Casa e Jardim”, embora todo o conjunto pudesse constituir uma “instalação” mais interessante do que as de muitos museus...
Fabriano Artistico rough 5"x 7" - 140lb (12,5x18cm - 300g/m2) paper
Available in / Disponível: Quasiloja(*) - Click here / Clique aqui
(*) Closed for holiday from Aug 5th to Sep 2nd / Encerra para férias de 5 Ago. a 2 Set.

Monday, August 2, 2010

Today's sketch / O esboço do dia - 257


How pleasant these cottages came out :))
Que agradáveis me saíram estas casitas :))

Sunday, August 1, 2010

The best place to be / O melhor sítio para estar


Is there a better place to be at the peak of Summer? By this time, many families like the one at the image will be installed for a nice Sunday of freshness in similar places, perhaps with the only difference that they will not find the peace suggested by the image since, and especially on weekends, the demand almost exceeds the offer... The lucky fate of these characters here presented at the moment that just precedes a nice dive - or its splashing equivalent, the depth of the water apparently not alowing much more - is that the sketch that gave them life was made on a Monday.
Onde se estará melhor do que num lugar como este no pico do Verão? Por esta altura, muitas famílias como a da imagem estarão instaladas para um belo Domingo à frescura de lugares semelhantes, talvez com a única diferença de que não encontrarão o sossego que a imagem sugere uma vez que, e sobretudo em fim-de-semana, a procura quase excede a oferta... A sorte destes personagens que aqui se apresentam no instante que antecede um belo mergulho – ou o seu equivalente em “chapinhanço”, uma vez que a profundidade do local aparenta não dar para mais - é que o esboço que lhes deu origem foi feito a uma Segunda-feira.
Fabriano Artistico cold pressed 7"x 5" - 140lb (18x12,5cm - 300g/m2) paper
Available: Click here / Disponível: Clique aqui